José Alfredo Paulo Faustino

Investigador Integrado

Informação pessoal

Nome: José Alfredo Paulo Faustino

Agregação: Investigador Integrado

Grau académico: Doutoramento

Categoria profissional: Docente não universitário

Instituição: Escola Secundária Fernão de Magalhães

Email: alfredo.faustino@sapo.pt

Grupos de investigação

HP - História das Populações

Grau académico

Instituição: Universidade do Minho

Ano: 2014

Grau: Doutoramento

Classificação: Muito Bom

Teses de Mestrado / Doutoramento / Pós-Doutoramento

Tese de Mestrado: Calvão – Uma paróquia Rural do Alto Tâmega (1670-1870). Universidade do Minho. Professora Doutora Norberta Amorim, 1997.

Tese de Doutoramento:  A população da Vila de Chaves entre 1780 e 1880. Universidade do Minho. Professora Doutora Carlota do Santos e Professora Doutora Norberta Amorim, 2014.

Atividade científica

Demografia Histórica, História da família e História Social.

Projetos do CITCEM

Nascer em Portugal dentro e fora do casamento (Séculos XVI a XX) [Mais info]

Outros projetos

Participou como investigador no projeto “Espaços Rurais e Urbanos: Micro-análise de comportamentos demográficos, de mobilidades populacional e social e dinâmicas culturais - sécs. XVI-XX” Coordenado pela Professora Doutora Maria Norberta Amorim, Professora Catedrática da Universidade do Minho, desenvolvido entre 2000 e 2004, com o apoio da Fundação para a Ciência e a Tecnologia (POCTI/HAR/34697/2000) Participou como investigador no projeto “Portugal país de mortalidade excepcional favorável? Aprofundamento micra analítico (séculos XVII a XX, desenvolvido entre 2005 e 2008,coordenado pela Professora Doutora Maria Carlota Santos da Universidade do Minho e financiado pela Fundação para a Ciência e Tecnologia e pelo FEDER, através do Programa Operacional Ciência e Inovação 2010 (POCI/HAR/60940/2004). Participou no projeto ”Espaços urbanos: dinâmicas demográficas e sociais (séculos XVII-XX) ”, com referência FCT PTDC/HIS-HIS/099228/2008, coordenado pela Professora Doutora Maria Carlota Santos da Universidade do Minho e cofinanciado  pelo orçamento do programa COMPETE – Programa Operacional Factores de Competitividade na sua componente FEDER e pelo orçamento da Fundação para a Ciência e a Tecnologia na sua componente OE. Nascer em Portugal dentro e fora do casamento (Séculos XVI a XX),coordenado pela Professora Doutora Maria Carlota Santos.

Publicações do CITCEM

Outras publicações

“Calvão (1670-1870) - Estudo Demográfico de Uma Paróquia Transmontana (Perspectiva Comparada) ”, Boletín de Asociación de Demografía Histórica, XVI, 1, 1998, pp.183-214.

Calvão: Uma Paróquia Rural do Alto Tâmega (1670-1870), Editado em 1998 pelo NEPS (Núcleo de Estudos de População e Sociedade) da Universidade do Minho, com o patrocínio da Câmara Municipal de Chaves.

“Assistência à primeira infância e a roda dos expostos de Chaves” Revista da USAF, nº 1, Outubro de 2002, pp. 49- 63.

“Visita ao Couto Misto”, Revista da USAF.

“Subsídios para o estudo da população de Chaves no período pré-censitário”. No prelo da Revista Aquae Flaviae, Chaves.

Outros

Imprensa local: Além de ter colaborado em jornais a nível de Escola e de Associações Culturais, foi colaborador até finais de 1998 do jornal de âmbito regional “O Mundo Transmontano”. Cursos de Verão: Como Docente Cooperante da U.T.A.D. – Polo de Chaves, colaborou na organização do Curso de Verão subordinado ao tema “Memórias do Couto Misto”, promovido por esta instituição e pela Universidade de Vigo, em Setembro de 1999; Na mesma condição, colaborou na organização do no Curso de Verão subordinado ao tema” Viagem pela História de Alto Tâmega e Barroso”, promovido por esta instituição e pela Universidade de Vigo, em Julho de 2000. Comissões editoriais: Codiretor da revista USAF, da Universidade Sénior e do Autodidata Flaviense, entre 2002 e 2004. Júri de concurso histórico: Elemento do júri do concurso «A República em Chaves», no âmbito das comemorações da implantação da República, promovido pela Câmara Municipal de Chaves, Regimento de Infantaria 19 e escolas do Concelho, em 2010.